Salvos da Extinção

Infos

2013, HD, 6 x 52 minutos

Direção: Mauricio Dias (ep. Mico Leão e Tartaruga)

Escrito e produzido por: Frederic Lepage

Co-produção: Grifa Filmes e FLConcepts&CO

Música Original: Alexandre Guerra

Exibição:  Discovery Latin America, France Televisions, France 5, Animal Planet Latin America, TV Brasil, YLE (Finland), Planète+, TV5 Monde, Lyon Capitale TV, RTBF (Belgium), Oasis HD (Canada), KBS (Korea)

 

Locais de filmagem:

Tartaruga e Mico Leão Dourado–>Brasil

Condor –> EUA

Wild Dog –> Namíbia e Botswana
Cavalo Przewalski–> França e Mongólia
Arabian Oryx–> Jordânia e Emirados Árabes

 

Sinopse

Como alguns animais caminham para a extinção? Como eles escapam dela?

As mudanças de comportamento, de estratégia, os movimentos migratórios e os novos territórios que deram novo fôlego às espécies antes de desaparecerem do planeta serão vistos agora, em uma aliança entre homens e animais, usando todos os recursos que os seres humanos desenvolveram para que as operações de resgate sejam bem sucedidas.

Episódios

TARTARUGA

Nos anos 80 se iniciou um importante trabalho de preservação das Tartarugas no Brasil, com a criação do TAMAR, onde se protegeu o nascimento de mais de 10 milhões de Tartarugas no nosso litoral. De acordo com a Convenção sobre o comércio internacional de espécies ameaçadas de extinção, é ilegal a captura e o comércio de tartarugas de pente e produtos delas derivados, em muitas nações. Mas a constante poluição dos mares e a degradação das nossas praias faz com que o risco de extinção continue eminente.

MICO-LEAO-DOURADO

O mico-leão-dourado é um dos primatas mais raros do mundo e em meados dos anos 80,estava praticamente extinto na natureza. Seu território foi destruído por um grande numero de estradas e fazendas e os poucos grupos que sobraram ficaram afastados uns dos outros impedindo a transferência de genes. Para salvar a espécie, Zoológicos do mundo todo enviaram animais saudáveis para a reserva de Poços das Antas/RJ.

Mesmo assim os animais continuaram com problemas genéticos. A falta de corredores ecológicos e a invasão de saguis, uma espécie nativa de outra região do Brasil, muito menor que o mico-leão-dourado, mas em maior numero, mais ágil e teimoso, esta colocando em perigo o Mico Leão.

A preocupação é real, já que os saguis e a degeneração genética, podem causar a extinção dos micos. Para evitar este desastre, uma campanha para esterilizar os saguis já começou, assim como construção de corredores ecologicos, mas ainda ninguém sabe como a luta entre mico e sagui terminará.

Veja Também